Publicações que não entregam informações importantes sobre os textos serão restringidos e alcançarão menos usuários da rede social

O Facebook anunciou hoje (17) que toma medidas contra textos sensacionalistas compartilhados em sua rede social. A ideia é reduzir a propagação dessas publicações.

São três medidas principais: a análise individual das publicações, para detectar títulos sensacionalistas; a análise do conteúdo (se ele exagera a importância do assunto ou não entrega uma informação necessária); e a restrição agora será aplicada em mais idiomas.

Um exemplo de título que terá o alcance reduzido é uma chamada para um texto assim: “Ela olhou embaixo do sofá e viu ISTO”. Títulos que usam linguagem sensacionalista também serão afetados, por exemplo, “UAU, você precisa ver esse chá que é o segredo da juventude”.

A tecnologia por trás dessa restrição de alcance é parecida com a usada para bloquear spam no e-mail. Após análise de dados que indica as palavras e estruturas mais comuns dos títulos caça-cliques, os conteúdos serão automaticamente restringidos.

O Facebook reforça que vai continuar a tomar medidas contras conteúdos que considerar sensacionalistas ou que buscam cliques a todo custo.

 

Fonte: http://exame.abril.com.br

Por Lucas Agrela